NÃO HÁ TEMPO A PERDER - 140ª Mensagem de Ensinamentos Espirituais

PDF por Nova Ordem de Jesus. 11/05/2016 - 13 min leitura
#novaordemdejesus #livro #novaordem

Ditada pelo Apóstolo Thomé
Em 10-10-1971
Rio de Janeiro - Brasil

 

NÃO HÁ TEMPO A PERDER - O QUE PODE ACONTECER AS ALMAS QUE NÃO ORAM - DEVERES RELIGIOSOS IMPORTANTES - ENTIDADE RELIGIOSA EM ORGANIZAÇÃO NO MUNDO ESPIRITUAL COM SEDE PROVÁVEL NO BRASIL.

 

PARA SERVIR A TODA POPULAÇÃO terrena des­te fim de século e também de civilização, o Senhor Jesus encontra-se instalado no solo terreno, conforme já foi di­to e repetido em Mensagens anteriores, tratando de incre­mentar o desenvolvimento espiritual de todas as almas en­carnadas. Bom seria que todos os homens e mulheres se capacitassem da urgência que existe de que procurem ele­var os seus pensamentos à Divindade a fim de receberem a inspiração e ajuda espiritual de que tanto necessitam nos dias que correm. Tempo não há a perder pelas almas en­carnadas, em face das circunstâncias que se aproximam e que a todas devem envolver nestes anos finais do século.

Os acontecimentos em curso na Terra com o objetivo de modificar boa parte de sua estrutura, devem envolver  não pequeno número de  almas encarnadas em  várias re­giões e latitudes, interrompendo conseqüentemente o fio de vida de muitas criaturas. Aquelas que se encontrarem em ligação constante como a Divindade podem  ficar  absoluta­mente tranqüilas quanto ao que possa  acontecer, porque to­das as providências foram tomadas para as receber e con­duzir carinhosamente ao respectivo plano espiritual. E as demais? - perguntareis vós porventura, desejando conhe­cer a situação provável das almas que não mantiverem ligação constante com a Divindade. O Senhor Jesus esclare­ce a respeito, que essas almas não ligadas com a Divinda­de estão sujeitas a correr o risco de se verem abandonadas à própria sorte em meio aos acontecimentos, o que o Se­nhor Jesus muito deseja evitar enquanto é tempo. Para is­so é imprescindível estabelecerem o hábito da oração diá­ria à  Divindade, o que nada custa e um grande bem acarre­ta a todas as almas. Essa é a providência que o Senhor  Je­sus recomenda  e encarece a  todas as almas que se encon­tram na Terra no seu próprio e exclusivo benefício, e, ain­da, como uma verdadeira segurança em face dos aconteci­mentos em curso.

O Senhor Jesus tem constatado em Suas visitas pe­riódicas a todas as regiões deste mundo terreno, a ausên­cia do hábito da oração em não pequeno número de povos que apenas se preocupam com a vivência de cada dia, vi­vendo completamente desligados da  Divindade.  Esta cir­cunstância muito preocupa, o Senhor Jesus em face da imi­nência de acontecimentos que possam surgir em meio a essas almas, tornando bastante difícil o socorro espiritual de que  possam vir  a  necessitar.  Recomenda-lhes então o Senhor Jesus que passem a orar diariamente à Divindade na hora de se deitarem, para que a Divindade saiba que es­sas almas existem e onde se encontram.

Em  seguida  o  Senhor  Jesus  passará a  tratar de outro  assunto estreitamente ligado à vida de todas as almas que se encontram  na Terra em busca do necessário progres­so espiritual. Tratará então o Senhor do que diz  respeito ao processo religioso ao qual todas as criaturas devem es­tar mais ou menos ligadas. Há evidente necessidade de que todos os homens e mulheres cultivem a sua religião com dedicação e amor para que possam receber toda assistên­cia espiritual de que possam vir a  necessitar. O Senhor Jesus deseja esclarecer, porém, a maneira de todas as criaturas se manterem em estado de ligação com a corrente religio­sa a qual se encontrem filiadas, para através dela poderem receber toda a ajuda espiritual de que possam necessitar. Certamente que devem existir deveres a cumprir pelos adeptos das diversas correntes religiosas constituídas e acreditadas na Terra. Declara então o  Senhor Jesus aos seus estimados leitores quais os deveres principais em matéria religiosa, seja qual  for a corrente a qual se en­contrem  filiados. O primeiro dever de todas as almas en­carnadas é elevar a sua  oração à Divindade ao se levantar do leito e se preparar para iniciar a atividade de um novo dia. Esta oração terá o mérito de atrair  uma  nova  luz para a aura de cada alma encarnada, afastando do seu campo mental quaisquer influências negativas ali  porventura en­costadas. A luz  proveniente dessa  prece matutina torna-se incomodativa para as influências negativas e estas se afas­tam, deixando livre a alma que ora para bem se orientar em suas atividades desse dia. É por conseguinte, da maior utilidade à elevação de uma prece à  Divindade ao levantar diariamente do leito, por todas as almas encarnadas. Uma segunda prece na hora do meio dia será  igualmente de grande proveito; dado, porém, que as ocupações materiais nem sempre o permitem, aquelas almas que puderem fazê-la  muito se beneficiarão dessa prática. Finalmente en­cerrado mais um dia de atividades na Terra, é de uma grande utilidade para o bem-estar e felicidade de todas as almas encarnadas, a dedicação de alguns minutos ao seu bem-estar espiritual a elevação de uma prece à Divindade para agradecer a proteção, auxílio e graças recebidas nes­se dia, e pedir a sua continuação para o dia seguinte. A Di­vindade conserva-se atenta a esses pedidos das almas en­carnadas e a todas atende com amor para o maior bem e tranqüilidade das almas que oram. Com a prece noturna as almas encarnadas podem considerar bem cumpridos os seus deveres religiosos perante a Divindade que é a cúpula espiritual de todas as religiões. Isto não impede o comparecimento aos templos daquelas que o desejarem para participar do serviço religioso ali realizado. Perante a Di­vindade, porém, as preces mencionadas linhas acima são suficientes para manter as almas em perfeita  ligação com a Entidade  Suprema do mundo espiritual, e dela  receberem as bênçãos, luzes e proteção de que tanto necessitam as almas encarnadas.

As religiões existentes na Terra tem por missão im­plantar e desenvolver a fé no coração dos seus adeptos com a finalidade de ajudá-los a progredir espiritualmente em sua vivência terrena. Sucede porém, que várias religiões se mostram refratárias ao ensino religioso tendo por base a lei das reencarnações, e tudo empreendem para ocultar es­ta lei dos seus adeptos. Se isto foi possível até o século findante, em que muitas e muitas almas foram dissuadidas da existência dessa  lei e se mantiveram  na falsa convicção de que só se vive uma vez, tal não será  mais possível em face dos ensinamentos vindos especialmente do mundo es­piritual para o mais rápido esclarecimento das almas vi­ventes na Terra. Os ensinamentos hoje em dia difundidos em vários países, provenientes do mundo espiritual, tem por objetivo esclarecer as populações de todo o mundo ter­reno acerca da grande verdade de que ninguém vive uma só vez, mas milhares de vezes só neste mundo, nascendo, vi­vendo, morrendo e tornando a nascer, até completarem o seu aprendizado nesta escola terrena. É  necessário, pois, que as religiões que desejarem permanecer como conduto­ras espirituais das populações terrenas, tratem de refor­mar sem demora os seus princípios religiosos para se adaptarem às verdades espirituais que estão chegando a Terra. A este respeito adiantará o Senhor Jesus que se co­gita no mundo espiritual da organização na Terra de uma entidade religiosa espiritualista com o objetivo de congre­gar os povos de todos os países em torno dos ensinamentos que devem ser difundidos em toda a superfície da Terra. A entidade religiosa em formação no mundo espiritual basea­da na lei das reencarnações, terá também a finalidade de pregar o ensinamento lançado pelo Senhor há dois mil anos, de que todos os homens e mulheres são irmãos perante o Criador, e como tais se devem amar uns aos outros.  Es­pera o Senhor  Jesus que a novel entidade religiosa seja lançada ainda no século findante em algum país do Ocidente para daí se irradiar a todo o mundo terreno. Para isso es­tão sendo percorridas por emissários das Forças Superio­res as organizações espiritualistas em  funcionamento na Terra, a fim de poderem as Forças Superiores avaliar a qualidade e valor espiritual dos seus dirigentes. Sem desejar dar a esta informação um caráter definitivo, o Senhor es­tá inclinado a admitir a  possibilidade de vir a ser escolhi­da a nação brasileira para sede da entidade religiosa em organização no mundo espiritual, não apenas por sua situa­ção geográfica  privilegiada, como também pela índole de sua população de natural inclinada ao estudo e prática das leis espirituais. As circunstâncias atuais existentes no Brasil, país em pleno desenvolvimento econômico e cientí­fico, para cujo solo estão afluindo muitos milhares de al­mas altamente desenvolvidas, tudo leva a crer vir este país a ser o escolhido para sede terrena da novel entidade reli­giosa em organização no mundo espiritual.

Uma vez instalada a referida entidade à qual pronta­mente se filiarão os elementos de maior destaque de todas as classes sociais, dentre os juristas, médicos, engenhei­ros, escritores, professores, magistrados, além de nu­merosos membros das classes trabalhadoras, sua projeção deverá alcançar outros países cujas populações se en­contrem preparadas para um novo adiantamento espiritual. Muito há, entretanto, que estudar antes da instalação da novel entidade inclusive a respeito do local, que deve ser silencioso, afastado de todos os ruídos da movimentação trepidante da vida dos grandes aglomerados sociais. Isto se torna fundamental à existência de um ambiente propício à presença e manifestação de Grandes Entidades do mundo espiritual em visitas periódicas de estudos perante a cúpu­la da entidade. A evolução atingida pelas populações terre­nas em seu desenvolvimento espiritual está requerendo a organização de uma tal entidade espiritualista de caráter mundial com a finalidade de proporcionar às diversas coletividades os elementos necessários ao seu mais rápido progresso como almas encarnadas no solo terreno. Recebei, estimados leitores, as informações que aqui vos deixa o Senhor Jesus, como simples delineamento do que está sendo cuidadosamente estudado no mundo espiritual, para descer ao solo terreno em benefício do progresso geral da humanidade terrena dos próximos séculos e milênios.

 

As organizações espiritualistas estão sendo contactadas para fundação de uma NOVA ENTIDADE. – Aos Chefes das organizações espiritualistas deve ser encaminhada esta Mensagem do Senhor Jesus.

Esta mensagem é parte do livro Nova Ordem de Jesus, da Grande Cruzada do Esclarecimento. Conheça mais sobre o livro Nova Ordem de Jesus. Agradecemos pela leitura e ficaremos muito felizes se o seu desejo for o de compartilhar a mensagem com seus amigos e familiares.

Seja um Apóstolo do Nosso Senhor Jesus e ajude divulgar as obras da Grande Cruzada de Esclarecimento.

Mais de Nova Ordem de Jesus - Mensagens do Livro

CONVITE AOS HOMENS DE BOA VONTADE - 10.ª Mensagem de Ensinamentos Espirituais - Nova Ordem de Jesus

Ditada pelo Apóstolo ThoméEm 12-7-1970Rio de Janeiro - Brasil CONVITE AOS HOMENS DE BOA VONTADE - O SERVIÇO DIVI­NO NA TERRA - O CÉU VERDADEIRO - CARAVANAS ...
Leia a Mensagem

A GRAÇA DO SENHOR - 15.ª Mensagem de Ensinamentos Espirituais - Nova Ordem de Jesus

Ditada pelo Apóstolo ThoméEm 1-8-1970Rio de Janeiro - Brasil A GRAÇA DO SENHOR - ORGANIZAÇÕES E CREDOS RELIGIO­SOS - NEM CÉU NEM INFERNO - O...
Leia a Mensagem

IMPORTANTE MISSÃO A CUMPRIR - 91ª Mensagem de Ensinamentos Espirituais

Ditada pelo Apóstolo ThoméEm 24-4-1971Rio de Janeiro - Brasil   IMPORTANTE MISSÃO A CUMPRIR - INSUFICIÊNCIA DA ATUAL DOUTRINAÇÃO EVANGÉLICA -...
Leia a Mensagem

Esta mensagem é parte do livro Nova Ordem de Jesus, da Grande Cruzada do Esclarecimento. Conheça mais sobre o livro Nova Ordem de Jesus.

Compre Impresso
Download PDF

Seja um Apóstolo do Nosso Senhor Jesus e ajude divulgar as obras da Grande Cruzada de Esclarecimento.

Nova Ordem de Jesus

(54) 3461-2412   darcidickel@novaordemdejesus.com.br
Rua Valter Jobim, 282. Bairro Planalto.
CEP 95185-000. Carlos Barbosa, RS. Brasil.

"A palavra que o Senhor Jesus está difundindo na Terra através destas mensagens, deve ser ouvida e meditada por quantos tiverem a ventura de conhecê-la em sua presente vida terrena." - Apóstolo Thomé