PERÍODO EVOLUTIVO DE UMA GERAÇÃO - 116ª Mensagem de Ensinamentos Espirituais

PDF por Nova Ordem de Jesus. 09/05/2016 - 13 min leitura
#novaordemdejesus #livro #novaordem

Ditada pelo Apóstolo Thomé
Em 18-7-1971
Rio de Janeiro - Brasil

 

PERÍODO EVOLUTIVO DE UMA GERAÇÃO - O QUE FALTA À GERAÇÃO ATUAL - ALMAS QUE REGRESSAM COMO INDIGENTES - O SENHOR NECESSITA DE ALGUNS MI­LHÕES DE SERVIDORES PARA VOLTAREM PRONTAMEN­TE À TERRA.

 

TODOS OS PLANETAS HABITADOS, situados em pon­tos determinados do Universo, obedecem a princípios estabe­lecidos nas leis divinas, reguladores de suas atividades e existência como seres vivos em busca de evolução e pro­gresso. Os elementos da natureza que compõem esses pla­netas para permitirem a vivência dos seres humanos e dos animais em sua superfície, obedecem  igualmente a deter­minados princípios espirituais, dos quais não se afastam sem prejuízo de suas condições de vida. A Terra, sendo um desses planetas, talvez um dos menores do conjunto universal, está sujeita aos mesmos princípios espirituais que regem a vida de todos os planetas, cumprindo também estágios evolutivos mais ou menos  longos, segundo as circunstâncias que lhe são peculiares,  num espaço de  dois a três milênios. Este é em geral o período evolutivo de cada nova geração que aqui vem em busca de aprimoramento es­piritual.                 

Este século está destinado a decidir um grande passo na escala evolutiva da grande maioria das almas que se encon­tram na Terra, após um largo período de aprendizado que já se aproxima do terceiro milênio de idas e vindas entre o solo terreno e o mundo espiritual. Um grande número de almas aqui se encontram que pouca  atenção tem dispensado ao seu aprimoramento moral e espiritual em numerosas estadas no planeta, onde tem vivido inteiramente mergu­lhadas no lodo de seus interesses materiais. Estas almas tem sido advertidas seguidamente ao regressarem ao Alto ao término de cada uma de suas últimas encarnações, e in­centivadas no sentido de aproveitarem a presente, numa derradeira tentativa de alcançarem a necessária redenção espiritual. Uma boa parte das almas nestas condições tem realmente se esforçado no sentido de sua elevação espiri­tual por meio da prática de boas obras, o que é para se lou­var. A muitas delas ainda falta, porém, o elemento deci­sivo do seu engrandecimento espiritual, que é o hábito da oração e meditação diária, da qual resulta a mais  rápida  iluminação das almas que oram. Consideremos  leitores a situação em que habitualmente se encontra na Terra um fi­lho privado da luz dos olhos, e a conseqüente dificuldade de caminhar. Situação semelhante se apresenta no mundo es­piritual às almas que não souberam ou  não quiseram  pre­parar-se enquanto na Terra, para adquirirem as luzes de que necessitam, objetivo primordial de cada uma de suas encarnações. Ao regressarem ao mundo espiritual priva­das da luz própria, estas almas vão inspirar a compaixão de outras para se locomoverem, fato que todos nós no Alto constatamos com tristeza.

Vivem presentemente encarnadas na Terra alguns milhões de almas nas condições  acima descritas, inteira­mente desligadas do mundo espiritual, muitas delas até descrentes da  sua sobrevivência após a  morte do corpo. A estas almas deseja dizer o  Senhor  Jesus que procurem  es­tudar as obras espiritualistas, nas quais encontrarão en­sinamentos de grande valor a  respeito de sua sobrevivência. As obras espiritualistas lhes ensinarão que ninguém vive uma só vez neste mundo terreno, aonde tem de vir se­guidamente de século em século, em busca de luzes e expe­riência. Não acreditam absolutamente numa existência ú­nica da alma, quando lhes disserem que as almas são cria­das juntamente com o feto no ventre materno, porque tal ensinamento nada tem de verdadeiro. As almas procedem de longos milênios desde a sua criação na  Mente  Divina, e vem percorrendo uma trajetória imensa, impossível de descrever, de tão longa, através de muitos e variados veí­culos desde a escala animal  mais ínfima até ao corpo que ora possuem. Se o Senhor Jesus insiste na repetição do que aí fica, é com o objetivo de penetrar no coração das almas que se tem descurado do próprio progresso, após as numerosas vindas a Terra como agora sucede, e se encontram paupér­rimas de luzes e dons espirituais. O Senhor  Jesus lamen­tará profundamente que esses milhões de almas em tais condições tenham de regressar a seu tempo ao mundo es­piritual privadas até do mínimo de luminosidade para se  lo­comoverem. Estas almas irão então participar da catego­ria de indigentes, da qual ainda estão repletos vários pla­nos do mundo espiritual. O que fazer então? - poderão querer indagar as almas em referência. O Senhor Jesus esclarece a todas elas, que nada ainda está perdido, e que todas possuem meios de se recuperarem. Procedam para isso, da seguinte maneira: examinem  atentamente a sua maneira de viver. Verifiquem se o sentimento egoístico constitui a predominante em suas atividades. Se assim for tratem de abrandar a incidência de tal sentimento, dando mais atenção ao espírito de soli­dariedade humana, considerando todos os demais seres hu­manos como irmãos, porque também filhos do mesmo Pai Celestial. Essa atitude servirá para amenizar um pouco a sua maneira de viver, humanizando em certo sentido a sua vivência em relação à coletividade de que  fazem  parte. Por  fim, a atitude capaz de contribuir decisivamente para  a  sua iluminação espiritual, objetivo fundamental de sua vinda mais uma vez ao solo terreno: a elevação de uma  prece diá­ria à Divindade na hora de se deitar, seguida de alguns mi­nutos de meditação, durante os quais as almas recebem da Divindade as instruções e conselhos de que porventura ne­cessitem para o bom encaminhamento de sua vida no corpo. O grande desejo do  Senhor Jesus não é outro senão o de poder  receber e promover no mundo espiritual  todas as almas  presentemente encarnadas, cujo período de aprendi­zado está a  findar-se. O  Senhor  necessita de alguns milhões de  novos  servidores  para enviar a Terra no de­sempenho de importantes missões de serviço divino, e dese­ja  poder contar  especialmente com as almas atualmente en­carnadas que apresentarem as condições necessárias para esse  fim. Já sabe o Senhor  Jesus que um número assaz  avul­tado de homens e mulheres que se encontram na Terra se acham em condições de serem aproveitados no serviço divino na Terra. Esse número, contudo, ainda é insuficiente, dada a circunstância de que a maioria das almas de bons servidores atualmente engajadas nessa função, terão de retomar um corpo de carne no próximo século, onde virão no desempenho de outra missão.  Assim sendo, o Senhor  Jesus deseja dei­xar aqui o seu convite a todos os homens e mulheres que dese­jarem  ingressar  no serviço divino a  partir  do próximo século, para  que tratem  de seu aprimoramento final, ligando-se per­manentemente à Divindade que muito fará para os ajudar.

Sabendo-se que a vida das almas é infinita e que a ninguém é dado estacionar em face da vibração constante que age e impulsiona todos os mundos, as almas possuidoras de um determinado grau evolutivo sentem verdadeiro prazer em  se movimentar seja onde for, contanto que es­se movimento resulte em benefício de alguém. É assim a vida das almas no mundo espiritual. Todas se oferecem ao Senhor  Jesus para servir onde quer que possam desempe­nhar alguma tarefa útil a coletividade, porque isto repre­senta para  todas uma grande alegria. Estacionar no mundo espiritual equivale a regredir, embora isso não aconteça. As almas sentem verdadeira alegria  em se movimentarem em função de serviço ao Senhor, desde que  possuam con­dições para isso. O Senhor por sua vez se alegra e com­praz   em  oferecer  oportunidade a  todas as almas de boa von­tade onde quer que se encontrem. E  são tantas e tão varia­das as oportunidades existentes no mundo espiritual a se­rem preenchidas pelas almas que nele vivem, que todas podem ser contempladas.  É necessário apenas que as almas se encontrem devidamente preparadas, isto e, que pos­suam um determinado grau evolutivo que lhes permita um bom desempenho das tarefas que o Senhor lhes confiar. Daí uma das razões pelas quais o  Senhor decidiu instalar-se no solo terreno e lançar daqui o seu incentivo a todos os ho­mens e mulheres para que se esforcem em concluir nesta vida o seu aprimoramento moral, isto é, o seu aprendiza­do terreno. A estes que o  fizerem, assegura o Senhor Je­sus o seu ingresso nas luminosas falanges de trabalhadores espirituais na condição de Guias e Protetores das almas encarnadas do porvir. Esta elevada tarefa a ser desempe­nhada no ambiente terreno pelas almas designadas pelo Se­nhor, produzirá para as mesmas os mais belos focos de luz a ser acrescida àquela que já possuírem como a retribui­ção generosa do Senhor aos Seus emissários. Daqui se con­clui que o trabalho existe em todos os planos do mundo es­piritual, para quem desejar trabalhar e se engrandecer es­piritualmente. Por mais árduo que esse trabalho possa pa­recer, é  justo dizer-se que em nada  se parece com aquele que é executado na Terra para a manutenção da vida no cor­po. O trabalho espiritual é executado principalmente pelo coração e o pensamento, numa atividade que produz alegria e contentamento às almas que o executam. A ninguém é dado agitar-se, enfadar-se ou consumir-se no desempenho de sua tarefa, visto como, sendo a  vida e o tempo infinitos, tudo  irá  sendo realizado na medida do possível. Há, por exemplo, no mundo espiritual uma tarefa que requer sobretudo paciência e boa disposição de espírito pa­ra seu completo êxito. É o caso de um certo numero de al­mas desprovidas de fé, porque assim viveram na Terra e nem sequer admitem que ela exista. Para estas almas só existe aquilo que elas puderem ver e tocar com suas li­mitações. Há então um numeroso grupo de almas evoluídas que se compraz em orientar esta categoria de almas, e com elas passa a conviver e conversar pacientemente, a fim de irem modificando o caráter e condições morais. É um tra­balho que requer sobretudo uma grande dose de paciência e boa vontade, mas que sempre alcança o êxito mais comple­to. As almas incumbidas de semelhante tarefa especializa­ram-se de tal maneira, que a sua, alegria consiste em implantar o sentimento da fé naqueles corações até então completamente  fechados aos mais belos dos sentimentos  huma­nos. Como seja assaz numeroso o grupo de almas que re­gressam da Terra todos os dias inteiramente desprovidas do sentimento de fé, eis aí uma das grandes tarefas do mundo espiritual desempenhada pelas almas de boa vonta­de, e sempre com o mais completo êxito. A fé é tão neces­sária aos corações quanto o alimento ao corpo.

Esta mensagem é parte do livro Nova Ordem de Jesus, da Grande Cruzada do Esclarecimento. Conheça mais sobre o livro Nova Ordem de Jesus. Agradecemos pela leitura e ficaremos muito felizes se o seu desejo for o de compartilhar a mensagem com seus amigos e familiares.

Seja um Apóstolo do Nosso Senhor Jesus e ajude divulgar as obras da Grande Cruzada de Esclarecimento.

Mais de Nova Ordem de Jesus - Mensagens do Livro

JAZIDAS DE RARO VALOR AINDA OCULTAS SERÃO ENTRE­GUES AO HOMEM - 68ª Mensagem de Ensinamentos Espirituais

Ditada pelo Apóstolo ThoméEm 31-1-1971Rio de Janeiro - Brasil   JAZIDAS DE RARO VALOR AINDA OCULTAS SERÃO ENTRE­GUES AO HOMEM - A VIDA NUNCA FOI ABSOLUTAMENTE...
Leia a Mensagem

IMPORTANTE MISSÃO A CUMPRIR - 91ª Mensagem de Ensinamentos Espirituais

Ditada pelo Apóstolo ThoméEm 24-4-1971Rio de Janeiro - Brasil   IMPORTANTE MISSÃO A CUMPRIR - INSUFICIÊNCIA DA ATUAL DOUTRINAÇÃO EVANGÉLICA -...
Leia a Mensagem

MODIFICAÇÕES PREVISTAS NO SÉCULO XVI - 27.ª Mensagem de Ensinamentos Espirituais - Nova Ordem de Jesus

Ditada pelo Apóstolo ThoméEm 12-9-1970Rio de Janeiro - Brasil MODIFICAÇÕES PREVISTAS NO SÉCULO XVI - NÃO HÁ MOTI­VO PARA ALARME - TODAS AS...
Leia a Mensagem

Esta mensagem é parte do livro Nova Ordem de Jesus, da Grande Cruzada do Esclarecimento. Conheça mais sobre o livro Nova Ordem de Jesus.

Compre Impresso
Download PDF

Seja um Apóstolo do Nosso Senhor Jesus e ajude divulgar as obras da Grande Cruzada de Esclarecimento.

Nova Ordem de Jesus

(51) 99739-9884   darcidickel@novaordemdejesus.com.br
Rua Ludwig Wagner, 84. Bairro São Paulo.
CEP 95780-000. Montenegro, RS . Brasil.

"A palavra que o Senhor Jesus está difundindo na Terra através destas mensagens, deve ser ouvida e meditada por quantos tiverem a ventura de conhecê-la em sua presente vida terrena." - Apóstolo Thomé